Participantes de curso de Turismo de Base Solidária promovido para comunidades da Baixada Santista têm encontro e recebem certificados

No dia 29 de agosto, o encontro promovido pela CATI em Mongaguá, na Baixada Santista, foi para discutir novas formas de praticar e obter renda com turismo, baseado no que foi aprendido no curso “Turismo de Base Solidária”, oferecido em parceria com a Universidade Estadual Paulista (Unesp). A reunião também promoveu o reencontro e a oportunidade de saborearem um lanche comunitário, comemorarem e, finalmente, receber os diplomas de participação no curso. Realizado em módulos, o curso contou com a participação de mais de 40 pessoas, entre pescadores, indígenas e agricultores familiares. No encontro, comandaram a mesa o extensionista da CATI, zootecnista Newton Rodrigues, da Casa da Agricultura de Santos, e o professor Davis Gruber Sansolo, que se empenhou em obter, junto à Unesp, a certificação para todos os participantes. Além dos que concluíram o curso, também compareceram ao evento Cristiano Hutter, coordenador regional da Fundação Nacional do Índio (Funai), e o diretor da CATI Regional São Paulo, Flávio Rizzi.

A discussão foi norteada por relatos e pelas respostas às questões levantadas pelos organizadores: como se organiza o turismo comunitário hoje, com base no curso que foi feito? Quais ações devem ser realizadas atualmente para fortalecer o turismo de base comunitária na sua comunidade?

De acordo com os relatos, o curso teve um aproveitamento muito bom e contribuiu para aumentar a autoestima da comunidade e incentivar a procurar novas formas de se obter renda, utilizando redes sociais e outras ferramentas disponíveis. Também foram tiradas algumas dúvidas relativas a essas questões, para que as ações sejam otimizadas e tenham melhor resultado.

O curso foi uma promoção conjunta da CATI, Unesp, das prefeituras da Baixada Santista envolvidas e do Fórum de Economia Solidária da Baixada Santista, com o objetivo de fortalecer o turismo local, principalmente nas comunidades tradicionais.

     

     

 

Mais informações: (19) 3743-3870 ou 3743-3859
jornalismo@cati.sp.gov.br